Mi Max 2 é oficialmente lançado: confira os destaques da apresentação!

Quando o Mi Max foi anunciado em maio do ano passado, fãs da Xiaomi puderam mais uma vez aproveitar da filosofia de “qualidade com preço baixo” adotada pela marca, mas agora em um novo formato: um phablet com uma tela enorme de 6.44″. Em sua primeira flash sale foram mais de 8 milhões de usuários inscritos para comprá-lo, número bastante expressivo para um dispositivo com proporções tão grandes especialmente para a China: a ideia que se passava até mesmo antes do lançamento era a de que chinesses tinham preferência por dispositivos com telas pequenas, por serem confortáveis de usar e caberem facilmente em qualquer bolso.

Em um evento ocorrido hoje na China, a Xiaomi finalmente revelou o sucessor de seu phablet. Antes de seu anúncio, os vazamentos em torno do Mi Max 2 foram escassos, diferente do lançamento de sua versão anterior que foi amplamente anunciada antes da conferência. Passado o lançamento, podemos agora conferir o que a Xiaomi trouxe de novo para a linha Max.

No total, são 2 variantes lançadas, com configurações diferentes de RAM e armazenamento. O Mi Max 2 contará com o processador Snapdragon 625, um octa-core de 2.02GHz e GPU Adreno 506, 4GB de RAM e 64GB de armazenamento ou 4GB de RAM e 128GB de armazenamento.

A bateria teve um leve upgrade, passando para monstruosos 5300mAh (~10% de aumento em relação ao Mi Max) com suporte à tecnologia QuickCharge 3.0 da Qualcomm.

Bateria do Mi Max 2, em comparativo com o Mi Power Bank de 5000mAh.

O tempo de uso estimado para o Mi Max 2 é de até 2 dias longe de carregadores. Mas caso seja necessário carregar o dispositivo após seu uso intenso, a Xiaomi também não vai decepcionar com o novo dispositivo: uma tecnologia chamada de “carregamento duplo” promete 68% de carga da bateria do Mi Max 2 em apenas 1h.

Bateria do Mi Max 2: 2 dias de uso, com até 18h de reprodução de vídeos, 10 dias de reprodução de músicas, 9h em jogos, 21h de navegação web, 19 horas em leitura e 57 horas de tempo de chamada.

A o sensor da câmera traseira do Mi Max 2 também foi atualizado, trazendo agora o Sony Exmor IMX386, um sensor CMOS de 12MP com tamanho de pixels de 1.25μm (aumento de 56% em relação ao Mi Max). Segundo a Xiaomi, o sensor do Mi Max 2 é exatamente o mesmo encontrado na câmera primária do Mi 6. Abaixo você confere algumas fotos tiradas com o novo sensor:

O design frontal do telefone foi mantido inalterado, com mudanças ocorrendo apenas na construção vidro da tela, na construção do dispositivo, adotando a traseira em metal unibody e laterais totalmente curvas, assim como visto anteriormente no Mi 6, lançado no mês passado. O design, entretanto, ainda não conseguirá fugir de comparações com a Apple: a montagem das antenas, por exemplo, é extremamente similar à encontrada nos iPhones mais recentes, sendo diferenciadas apenas pela cor aplicada.

Diferenciais do Max 2

  • Split Screen

Um recurso que era pedido há muito tempo pela comunidade Xiaomi/MIUI foi finalmente apresentado no Mi Max 2: o modo split screen. Através dele, é possível acessar e visualizar dois apps ao mesmo tempo, sem necessidade de alternar entre telas.

  • Navegação aprimorada

Outra novidade no software do Mi Max 2 é em relação ao Menu de atalhos, introduzido no MIUI. Para dispositivos com a tela tão grande quanto a dos dispositivos da linha Max, o Menu de atalhos é uma ferramenta extremamente útil para executar funções básicas do dispositivo sem forçar sua usabilidade ao tentar alcançar uma área distante do seu dedo.

Especificações

  • Processador Qualcomm Snapdragon 625 (octa-core 2.02GHz, Cortex-A53), GPU Adreno [email protected]
  • 4GB de RAM
  • 64/128GB de armazenamento
  • Câmera frontal de 5MP, traseira de 12MP IMX368
  • Bateria de 5300mAh, QuickCharge 3.0 com carregamento duplo
  • Tela de 6.44″ Full HD (342ppi)
  • Slot SIM híbrido (dual SIM/single SIM + Micro SD)
  • Sensor de IR, acelerômetro, bússola, giroscópio, hall sensor, impressão digital
  • Wi-Fi 802.11 a/b/g/n/ac, Bluetooth 4.2, GPS / GLONASS / BeiDou
  • Conexão Type-C com suporte a Host USB
  • Alto-falante estéreo

Preço e lançamento

O Mi Max 2 começará a ser vendido no dia 1º de junho e custará CNY1699 (cerca de R$810,00 em conversão direta) na versão de 4GB/64GB, e CNY1999 (cerca de R$955,00 em conversão direta) na versão de 4GB/128GB. O dispositivo estará disponível inicialmente na cor dourada.